No dia dedicado ao Município de Coruche, a 54ª feira Nacional de Agricultura, evento que decorre no Centro Nacional de Exposições, em Santarém, e que termina no próximo domingo, 18 de junho, continua a ser o principal local da discussão dos temas agrícolas nacionais e internacionais com  a realização de 10 ações e foi também palco das Entregas de Prémios dos Concursos Nacionais de Azeite e Mel.

Na área do azeite, a entrega de prémios do Concurso Nacional  realçou alguns dos melhores azeites de Portugal que estiveram em prova nos dias 18, 19 e 22 de Maio. A primeira competição nacional a ser reconhecida pelo Conselho Oleícola Internacional teve o  contributo de  provadores nacionais e estrangeiros e foi organizada pelo Centro de Estudos e Promoção do Azeite do Alentejo e pelo Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas, em Santarém.

No final do seminário Apicultura, Agricultura e Biodiversidade organizado pela FNAP  decorreu a Entrega de Prémios do Concurso Nacional de Mel com natural destaque para o “Mel de Urzes” da Capolib que foi considerado o Mel do Ano e para a a Apisland, Lda. que arrecadou a Medalha de Ouro no Concurso Nacional de Embalagens de Mel.

Conversas de Agricultura

As Consequências do Brexit no Orçamento da União Europeia foi o tema em destaque no dia de hoje. Esta conferência, organizada pela CAP, teve como  objectivo abordar a saída do Reino Unido da União Europeia e realçou o “Impacto do Brexit na Política Agrícola Comum  e no  Orçamento da União Europeia”, além das “Consequências para os agricultores ingleses”.

No entanto, os efeitos do Brexit não podem ainda ser integralmente conhecidas, até porque o processo de saída só foi iniciado em abril por parte do Reino Unido com o envio da notificação à União Europeia. Permanecem dúvidas relativamente ao orçamento da União Europeia, da P.A.C. e relações comerciais entre Reino Unido e outros estados membros, por exemplo.

Como melhorar o posicionamento dos agricultores na cadeia alimentar”, foi outro dos colóquios organizado pela CAP e que contou com a presença do Ministro da Agricultura que afirmou: “é necessário revisitar as regras de mercado e da politica de concorrência a nível europeu”.

A necessidade de fomentar hábitos de cooperação entre produtores e a grande distribuição, assim como garantir a distribuição do valor justo a quem produz foram assuntos em discussão durante o debate, posição que é comum à opinião do próprio Comissário Europeu, Phil Hogan.

Organizada pela DRAPLVT , a conferência Seguros Agrícolas teve como objetivo explicar a produtores, empresários e associações as vantagens de ter uma garantia desta natureza e os apoios que existem para a sua realização. “A Agricultura, os Seguros e o Financiamento” , “O Sistema de Seguros Agrícolas” e “Os Seguros na Ótica do Setor” estiveram em debate, cuja iniciativa contou com a participação de Institutos Público, associações do sector e companhias de seguros.

A Associação Portuguesa de Enologia escolheu uma vez mais a Feira Nacional de Agricultura para a realização das suas Jornadas Técnicas que têm como intuito debater assuntos de interesse para a fileira e para interessados como produtores, empresários, gestores, marketeers, entre outros.

Com a participação de especialistas do sector abordaram-se temas como  a “Protecção Sustentável da Vinha”, a “Produção de Vinho Biológico e suas Especificidades” e a  “Importância da Comunicação no Vinho”.

O Seminário Agrocluster do Ribatejo dinamizado pelo Nersant colocou em destaque a “Economia Circular no Setor Agroalimentar: Tendências inovadoras e casos de sucesso”,  tema que teve como intuito a sensibilização de empresas para a reutilização dos seus recursos e optimizar resultados.

De seguida, fez-se a “Apresentação do Estudo de Tendências de Consumo: Geração Y Millennials”. Os resultados revelam que este target consome de uma maneira mais informada e que tem uma grande preocupação com as questões ambientais e com a segurança alimentar. Esta geração não se importa de pagar mais por produtos de qualidade e não tem receio das “compras online”.

O BPI promoveu o debate “Inovação na Agricultura – Apoios à Inovação, Perspectivas Comunitárias, Tendências de Inovação”, atividade que se realizou no âmbito do “Prémio Nacional de Agricultura”, uma iniciativa do BPI e do Grupo COFINA e que tem como objetivo incentivar e premiar os casos de sucesso da Agricultura, Agro-indústria, Florestas e Pecuária.

Os “Instrumentos Financeiros para o Setor Primário”, “O PDR 2020 – Apoios ao Investimento” as “Tendências na Região e no Setor” e a “Competitividade e Crescimento no Setor Produtivo” foram os temas em destaque do seminário “Financiamento e Apoio ao Investimento no Setor Primário – Competitividade e Crescimento”, organizado pela Agrogarante.

Discutir o desenvolvimento da atividade agricola e apícola de uma forma harmoniosa, sustentável e sem conflitos  foi o objetivo do colóquio “Apicultura, Agricultura e Biodiversidade” organizado pela FNAP  e que contou com a participação de Associações, Universidades e Institutos Superiores.

Nesta área o dia finalizou com uma iniciativa da CAP em colaboração com a Autoridade para as Condições de Trabalho que promoveram  uma Ação de Sensibilização sobre Prevenção de Acidentes de Trabalho com Tractores e outras Máquinas Agrícolas. Esta atividade realizou-se no âmbito da campanha ibérica de prevenção de acidentes de trabalho.

Animação

A animação é parte integrante da Feira Nacional de Agricultura e esta sexta-feira não foi excepção. Escolas de Toureio, Treinos de Forcados, Música Popular, Bailes Tradicionais e  Largadas de Toiros fizeram as delicias dos visitantes. Já Ana Moura actuou no palco principal pelas 00h00 e o DJ Putzgrilla esteve na discoteca à 01h00.

17 de Junho

Amanhã, Dia do Município do Cartaxo,  e penúltimo dia da Feira Nacional de Agricultura, o programa é diversificado, com atividades e animação para os muitos visitantes que se esperam amanhã.

Os Mercados Tradicionais marcam a manhã, e da parte da tarde, a Feira Nacional de Agricultura  recebe as visitas da Coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, e do Secretário de Estado Adjunto e do Comércio, Paulo Ferreira.

Ao longo do dia Ranchos Folclóricos e Música Tradicional e Popular animam o recinto e o espaço exterior da Feira será palco da Demonstração de Volteio Artístico.

No espaço interior, o Auditório recebe a gala de entrega de prémios do “Concurso de Acordeão e Guitarra Portuguesa de Santarém”, organizado pelo Conservatório de Música de Santarém.

Ao longo do dia Ranchos Folclóricos e Música Tradicional e Popular animam o recinto. Já quase a terminar o dia, o Palco do Grande Ringue irá receber o concerto de Ana Carolina, que será acompanhado de um espetáculo de fogo de artificio.